Portal Se Liga Pilões-PB
ULTIMAS NOTICIAS

POLICIAL

POLÍTICA

ULTIMAS NOTICIAS

Share Button

terça-feira, 19 de novembro de 2019

Professor é demitido após pedir redação sobre 'sexo oral e anal' a alunos

Professor diz que aula foi exercício de linguagem
(Foto: Reprodução/TV Globo)
Um professor de português de uma escola pública no Distrito Federal foi demitido depois de uma aula sobre sexo em que pediu uma redação aos alunos sobre "sexo oral e anal". O fato aconteceu em uma classe com estudantes do 6º ano, com média de 12 anos de idade. A informação é do G1/DF.

Na aula, o educador usou expressões explícitas ao falar do sexo. No quadro, ele escreveu palavras para debater o tema e propôs a redação para os alunos, que estudam no Centro de Ensino Fundamental (CEF) 104, da Asa Norte.

Segundo a Secretaria de Educação, o professor Wendel Santana, 25 anos, era temporário e foi mandado embora depois do episódio. Já Wendel afirmou que escreveu as expressões no quadro, mas disse que a ideia era mostrar a diferença das maneiras formal e informal ao falar sobre sexo.

Foto tirada pelos alunos.
Os alunos tiraram foto do quadro e também gravaram áudios na aula. Os pais que ficaram sabendo do caso se revoltaram e exigiram providências da direção. "Primeiro que aquilo ali não é educação sexual. Eu acho que aquilo é pornografia, uma coisa vulgar coisa que criança nenhuma merece passar por isso", diz a corretora Vanessa Damares, mãe de um aluno.

A administradora Adriana Sarino afirmou que ficou "perplexa" com o ocorrido e que o filho de 12 anos não conhecia quase nenhuma das expressões usadas pelo educador.

O diretor da escola e cinco famílias registraram queixa contra o professor na delegacia.

Professor se defende

Wendel Santana afirma que não recebeu "treinamento adequado" por parte da escola e que seu objetivo era fazer um exercício de linguagem para os alunos.

"A linguagem que eles trazem pra mim é uma linguagem totalmente informal. Foi isso que eu vi. O exercício que eu propus foi trazer essa informação de linguagem informal e adaptá-la para uma linguagem formal, que é a linguagem da educação de fato", diz.

O contrato dele será rescindido, diz a secretaria.



Da Redação
com Correio 24 horas

Marcelinho Paraíba anuncia aposentadoria e diz que quer se tornar treinador

Jogador contou ainda que desistiu de se candidatar a vereador, desejo que ele tinha revelado no início do ano.

Marcelinho Paraíba está com 44 anos (Foto: Reprodução)
O jogador Marcelinho Paraíba anunciou nesta segunda-feira (18) que vai parar de jogar futebol. Aos 44 anos, ele deve se aposentar ao final da temporada do ano que vem, que disputará pela Perilima. 
Ele contou que pretende estudar para se tornar treinador. "Quando acabar o Paraibano eu vou para o Rio de Janeiro para seguir estudando e buscar minha licença B na CBF para ser técnico".
Marcelinho avisou, também, que desistiu de se candidatar a vereador, desejo que ele havia revelado no início do ano. "Orando a Deus, meditando, cheguei à conclusão que não é o momento. O sistema é pesado, tem muita corrupção e isso me fez desistir da política", disse ele, que se converteu ao protestantismo em abril.
O presidente da Perilima, Jailton Oliveira, fez questão de destacar que está dando todo o apoio para o novo plano de carreira de Marcelinho e afirmou que as portas do clube estão abertas para Paraíba seguir vestindo a camisa da Águia também fora de campo.
Click PB

Carro de passeio é flagrado transportando vaca em rodovia

Uma vaca foi flagrada sendo levada dentro de um carro no início da noite deste sábado (16), na PR-340, entre Tibagi e Castro, nos Campos Gerais do Paraná. O registro foi feito pela médica veterinária Glauciane Cruz, que passava pela rodovia.
A veterinária disse que ela e o namorado estavam indo de Tibagi para Carambeí, também nos Campos Gerais, quando viram a cena na rodovia.
“O GPS mandou a gente ir pela PR-340 e estávamos atrás do carro. Fazia uns 15 minutos, tudo normal. Aí do nada a vaca levanta atrás”, contou.
Glauciane disse que ela e o namorado não acreditaram na cena. Eles resolveram então fazer uma fotografia, que foi postada em uma rede social.
A veterinária alerta para que a prática poderia machucar o animal, já que o transporte estava sendo feito de maneira inadequada.
“É complicado, sou veterinária e trabalho com o bem-estar dos animais. A minha área é inspeção e bem-estar. Ao mesmo tempo que é engraçado, isso é supererrado”, disse.
Perigo
A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) disse que, diante do caso, o motorista pode ter dificuldades para conduzir o carro, já que não conseguiria ver o trânsito pelo retrovisor interno. Isso poderia render uma infração.
Além disso, em caso de acidente, o animal poderia ser empurrado contra os passageiros da frente do veículo, por não estar seguro, segundo a polícia.
Com Click PB

Cidades

curiosidade

Famosos

 
Copyright © 2018 Portal Se Liga Pilões-PB
|